Jornal Guia dos Imóveis em versão digital

Notas especiais

Memória curta

O país está um Deus nos acuda. A população muito mais politizada e não se enrola nem os menos favorecidos com migalhas. Mas os maus políticos ainda estão tentando. Eles pensam que o povo tem memória curta. Todo mundo sabe tudo. Quem roubou, quem foi preso, quem tirou da cadeia fazendo falcatruas e burlando a Constituição. Todos sabem que os dois lados da política estão usando de Fake News à torto e a direito. É um jogo muito bem calculado.

Na verdade os dois lados estão com medo um do outro. Os dois são loucos. Bolsonaro fala o que vem na cabeça (Isso é perigoso). Ele não v ai pensar muito em usar a força para ganhar as eleições. O Lula esta velho e falando muitas besteiras, coisas que não se falam. Ele, que se diz dono da verdade, está desesperado. Não sabe até quando vai receber a ajuda do STF, da Globo e se beneficiar com as falsas pesquisas. A falta de controle com os combustíveis está tirando eleitores do presidente...

E então, surge a terceira via. A população tinha pensado em João Dória, (Ninguém nem fala sobre ele. Não ganha para mais nada), depois em Sérgio Moro (entrou em um embrólio com a Justiça Eleitoral de São Paulo com a do Paraná e também sumiu) e agora a opção é Ciro Gomes. Que o homem é super inteligente... é. Que sabe administrar todos já sabem, tanto é que no seu Estado natal, o Ceará, o homem ganha as eleições que disputa. Não é por menos, ele tem experiência e ama o Brasil.

Para os que se esquecem das coisas fáceis, devemos indicar um remédio para a memória. Quem não tem memória curta, vai votar melhor. Rufem os tambores porque está chegando a hora que Deus determinou e não há muito o que fazer. As atitudes desesperadas estão surgindo e, nessa terra que dizem que “Deus é brasileiro”, e não de Israel, quem toma conta é Jesus Cristo.

*Claudio Donegati é Jornalista MTB: 20640 e Corretor de Imóveis Creci: 92.464-F.

A necessária reflexão!
O momento é de reflexão. O Brasil inteiro está continuando suas vidas da forma que as condições lhe oferecem. Isso não basta para melhorar a vida de cada um e a de seus parentes e amigos. Precisamos refletir e buscar o melhor para o país, independente de cor, credo, sexo. O mundo está virando de cabeça para baixo e, se não tomarmos uma atitude muito bem pensada neste momento, podemos cair em um caos que talvez seja irreversível. Não se trata de cor ou condição financeira. Trata-se de um futuro melhor para nossos filhos e netos. Agora, mais do que nunca é a hora de separar o joio do trigo e ver, sentir, ouvir o que será melhor para nossas crianças. Não é possível que vamos deixar o futuro do país nas mãos de pessoas despreparadas. É necessário muito diálogo e nós também não podemos ficar acreditando em notícias das redes de televisão ou da Internet. É preciso reciclar cada notícia e ver nas entrelinhas por que tal emissora está dando destaque a coisas que não estão de acordo com a realidade ensinada por nossos pais. Precisamos ler na Internet e sentir o que está subliminar para que possamos direcionar o resto de nossas vidas e o futuro inteiro de nossos filhos, netos, uma geração que pensa que sabe tudo, mas ainda não está preparada para o pior que pode acontecer.
Vamos analisar todos os outros países e ver o que deu certo e o que nunca vai ser bom para o futuro de um país como o nosso. Lindo, maravilhoso, tudo o que planta dá, além de um turismo de fazer inveja, hoje, sem falar de outros estados que vai ficar para os próximos editoriais. Neste país tem tudo. Só falta você refletir mais um pouquinho.

*Claudio Donegati é Jorna lista MTB: 20640 e Corretor de Imóveis Creci: 92.464-F.
A política é a base de tudo na vida
Existem muitas pessoas que abominam política. Eles não querem nem falar no assunto, ouvir, assistir e nada parecido. Talvez eles não saibam que a política é a base de tudo na vida das pessoas. A culpa por maus políticos no Congresso Nacional também é sua. Algumas pessoas conversam sobre política apenas alguns dias antes das eleições. Fato totalmente errado. Sua margem de erro é muito grande para o eleitor errar e votar na pessoa errada. Não venda seu voto. É uma vergonha você ajudar a colocar alguém lá, em um cargo tão importante e depois ficar reclamando que este político ou aquele é ruim, é ladrão, desonesto e mais os tantos derivados. Será que se você fosse interado, politizado, tivesse certeza de quem é bom e a sua experiência te deixasse bem claro que o político tal era o mais indica do para o cargo, e não aquele que comprou o voto.
O que o leitor/eleitor deve aprender é que a política está enraizada na sua vida inteira. Tudo depende de bons atos políticos para se fazer uma economia eficiênte. Nós temos um país maravilhoso, tudo o que planta dá. A riqueza natural do Brasil é muito rica. O país precisa de boas leis para prosperar. Claro que os maus políticos que só pensam em si ou em seus familiares vão sempre existir mas, nós temos de fazer a nossa parte, temos que colocar nas cadeiras políticas pessoas bem intencionadas que gostam do país e se propoem a trabalhar por ele sem interesses pessoais. A política deve começar agora e terminar só em outubro de 2022, com excelentes representantes que nós vamos colocar lá, de livre e expontânea vontade, independente do partido, religião, cor ou sexo.
Continuando independente de partido, a vida ficou muito difícil nos últimos dois anos. Se nós não nos unir, a coisa vai piorar ainda mais. Precisamos continuar comprando no comércio local, prestigiar o seu amigo, colega, parceiro. Vamos destinar nossos gastos para as pessoas que nos cercam. Além de dar lucro para os seus semelhantes, estamos economizando com gasolina, Uber, ônibus e, principalmente o nosso tempo que está muito precioso. A vida se tornou difícil para todo mundo mas o planeta terra não vai acabar, precisamos proteger tudo o que nossos pais nos ensinaram. Isso não mudou. Vamos protestar contra o que não concordamos, como a taxa do lixo que, de uma hora para a outra, se tornou obrigatória e nós somos obrigados a engolir. Não tenho nada contra o Guti, até votei nele mas cobrar mais um imposto em plena pandemia, onde todos nós estamos fa zendo das tripas/coração, é demais. Acho que ele deveria ser o primeiro a ser contra mais um imposto. Em nível estadual o Governador Dória aumentou o imposto dos veículos. Será que este seria o melhor momento para isso? Aí vem o Presidente da República e deixa a Petrobrás aumentar a gasolina o quanto quer para reparar rombos de presidentes do passado. Por quê nós temos de pagar estas contas. Vocês estão vendo Prefeito, Governador, Presidente e ex-presidentes não dão a mínima para a população.

Claudio Donegati é Jornalista MTB: 20640 e Corretor de Imóveis Creci: 92.464-F

Publicidade

Jornal Guia dos Imóveis e Construção
R Waldemar de Carvalho, 80 - Vila Augusta - Guarulhos - SP - CEP 07022-190
Telefones: (11) 2447-0627 - 9.4738-5051 (WhatsApp) - E-mail: guiadosimoveis@uol.com.br
Encontre uma grande variedade de imóveis em www.imoveisemexposicao.com.br